Buscar
  • @geografia_da_paraiba

#ExpediçãoGeoPB: documentário sobre a cidade de Araruna é divulgado e já passa das mil visualizações

Documentário pode ser visto pelo link: Documentário Araruna/PB



A #ExpediçãoGeoPB é um projeto em ascensão que se consolida cada vez mais no cenário das mídias sociais e do turismo na Paraíba. Na última semana, foi divulgado um documentário sobre a cidade de Araruna, localizada no Curimataú Oriental da Paraíba. Embora o município de Araruna tenha muitas belezas históricas e naturais pra mostrar, o turismo na cidade só vem sendo desenvolvido com seriedade nos últimos anos, por meio da atual gestão do poder público municipal.



Os conteúdos audiovisuais foram produzidos na cidade de Araruna durante os dias 25, 26 e 27 de maio de 2019. Desses três dias de filmagens, resultaram dezenas de postagens no nosso perfil no Instagram (@geografia_da_paraiba), estas que são exportadas, também, para a página do Facebook (Geografia da Paraíba).


O trabalho foi desenvolvido com o apoio da Prefeitura Municipal de Araruna e das direções de Cultura e de Turismo. Durante as atividades, ficou muito claro o empenho dos diretores em promover o turismo na cidade e de tirar a imagem de que Araruna "é só Pedra da Boca". Para auxiliar na derrubada desse mito, foram visitados seis pontos no município:


1º ponto: Mirante da Serra de Araruna. Deste ponto, é possível visualizar a rodovia PB 111, que dá acesso à cidade de Araruna, o vale do Rio Calabouço, a parte de trás do Parque Estadual da Pedra da Boca, além de feições rochosas mais próximas, como a Pedra do Cabelo Não Tem.



2º ponto: Cânion do Macapá: Um dos lugares mais bonitos de Araruna, e ainda pouco desbravado, o Cânion do Macapá surpreende por sua beleza natural e apresentação de possibilidades para a prática de esportes radicais, com aproveitamento dos belíssimos paredões rochosos do local.



3º ponto: Fazenda Maquiné: Um local cheio de histórias, lendas e mistérios que se impõe ao tempo. A fazenda, que guarda consigo as marcas da história da ocupação em Araruna, ainda está em posses privadas, infelizmente sem execução de ações de conservação.


4º ponto: Pedra da Macambira: Uma imponência natural não vista em nenhum outro afloramento de rocha no território paraibano. Marcada por sua imponência e destaque na paisagem, a Pedra da Macambira, assim como o Cânion do Macapá, ainda está sendo descoberta pelos turistas e desbravadores que se encantam com a sua beleza.



5º ponto: Pedra do Olho D'água dos Índios: Representando um lugar cheio de histórias e significados para a ocupação humana em Araruna e região, a Pedra do Olho D'água dos Índios guarda consigo várias lendas e mistérios. O local, que já serviu como abastecimento de água para a região em épocas de estiagem, hoje configura-se como um oásis graças à dinâmica da drenagem da rocha.



6º ponto: Parque Estadual da Pedra da Boca: O último ponto da expedição foi simplesmente o monumento natural mais importante da Paraíba, que configura-se como um dos polos de turismo de aventura mais importante do Brasil. A Pedra da Boca é o auge de um parque repleto de formações rochosas incríveis, com diversos formatos que impulsionam a imaginação de quem a visita. No parque, existem atrativos de aventura para todas as idades, em diversos níveis de dificuldade, que vão desde a simples trilha até o balanço da boca, que tira o fôlego de quem vê e aflora o espírito aventureiro de quem pratica.



Ficou curioso pra conhecer o município de Araruna? Então, antes de ir lá, confira tudo em nosso documentário! Clica no link: Documentário Araruna/PB

115 visualizações0 comentário