Buscar
  • @geografia_da_paraiba

Arqueologia: Inscrições rupestres são descobertas em São Mamede, Seridó Ocidental Paraibano

As gravuras rupestres estão localizadas em um afloramento de rocha às margens de um riacho e oferecem informações sobre os primeiros habitantes da região.


Inscrições rupestres no painel inferior do sítio arqueológico. Foto: Geografia da Paraíba.


Durante a nossa #ExpedicaoGeoPB em São Mamede, Seridó Ocidental da Paraíba, tivemos contato com as mais variadas paisagens, costumes e histórias.


Distante cerca de 7 quilômetros do perímetro urbano, está um acervo riquíssimo de inscrições rupestres, também conhecidas como Itacoatiaras, que no vocabulário Tupi significa "pedra riscada", localizadas em um gnaisse às margens do riacho Pedra Branca, um dos afluentes do Rio Sabugi. Assim, que chegamos ao local ficamos maravilhados com a quantidade de gravuras espalhadas por toda a rocha.


As gravuras são muito parecidas com as da Pedra do Ingá, um dos sítios arqueológicos mais impressionantes do mundo, localizado no município de Ingá na Região Imediata de Campina Grande.


Painel principal do sítio arqueológico. Foto: Geografia da Paraíba.


Em São Mamede, a área onde estão localizadas as gravuras foi batizada de Pedra Branca, devido a coloração do afloramento rochoso, ainda não se tem estudo sobre essas gravuras, porém, de acordo com a prefeitura municipal, em breve irá começar um trabalho arqueológico no lugar para que seja reconhecido, devido ao seu grau de importância para o município.



Por toda a rocha é possível identificar figuras grafadas, feitas por habitantes primitivos da região há milhares de anos, é possível identificar representações da fauna e flora local, constelações de estrelas, o sol além daquelas que não são possíveis serem identificadas, por isso, precisa-se urgente serem estudadas e o local transformado em um sítio arqueológico aberto ao público.


Painel inferior do sítio arqueológico. Foto: Geografia da Paraíba.


O lugar é conhecido por historiadores locais e também já recebe visitas, principalmente de alunos do município através da visitação pedagógica, as gravuras estão localizadas em uma propriedade privada e necessita de condutor local para chegar até elas.


O município de São Mamede possui muitas belezas naturais, e sem dúvidas, as gravuras de Pedra Branca são um dos maiores patrimônios do município que merece todo cuidado e atenção para que através de trabalhos de conscientização e preservação, seja estruturado e possa servir como mais um ponto turístico pré-histórico da Paraíba, contribuindo com o desenvolvimento local, gerando emprego e renda.


Siga o nosso projeto no instagram: @geografia_da_paraiba

1.031 visualizações0 comentário